Bari, uma ponte para o Oriente Médio

20:12:00 Adriana LARA 12 Comments


 destaca por ser um importante centro cultural e comercial da região da Puglia desde a antiguidade. É a segunda cidade mais importante do sul da Itália, famosa por sua culinária e muitas lendas. 
Tradicionalmente Bari é considerada a porta de entrada e saída da Europa para a península balcânica e o Oriente Médio. No porto há um intenso movimento de ferries e cruzeiros que chegam e partem para a Albânia, Croácia, Turquia, Grécia e outras localidades da Itália. 



Bari tem duas partes distintas: Bari Nuova e Bari Vecchia, mas é o centro histórico que permite mergulhar na história e identidade da cidade para conhecer a verdadeira essência de Bari. Ali se vê pessoas alegres, risonhas e que vivem de maneira simples e autêntica. É onde pode-se ouvir o incompreensível dialeto barese que soa alto nas ruas. 
Nessa pitoresca parte da cidade, que mais parece um labirinto de becos e ruelas estreitas, as portas das casas se abrem diretamente para a rua; apenas uma cortina separa a rua da parte interna da casa (foto abaixo). Para evitar o acúmulo de poeira dentro das casas, os moradores sempre estão varrendo e lavando a rua. Os balcões floridos são verdadeiros jardins suspensos.


Nas ruas as pessoas conversam, cantam, anunciam a venda de polenta frita. É também onde muitas senhoras preparam o orecchiete - a massa típica da Puglia; a rua é extensão das suas casas. É onde as crianças brincam e os adultos colocam suas cadeiras para descansar. 



Caminhando pelas ruas da velha cidade, passa-se por centenas de arcos. Há inúmeras histórias para cada um deles, porém o mais famoso é popularmente conhecido como Arco do Amor ou Arco da Marvel, ao qual se atribui uma fantástica história romântica. Dizem que o arco foi construído em apenas uma noite para permitir o encontro de dois amantes.
A Piazza del Ferrarese é especialmente aconchegante e charmosa, principalmente à noite porque oferece uma maravilhosa vista para o mar. Nela há vestígios da antiga Via Appia-Traiana, construida pelos romanos no século 2. É chamada Ferrarese em homenagem a um comerciante de Ferrara que ali viveu no século 17. Está localizada em uma das portas do centro histórico, que facilitava a entrada de mercadorias para a Piazza Mercantile onde havia um mercado medieval. 
A Piazza Mercantile era o centro político e comercial da cidade na época medieval. Seus símbolos são o Palazzo del Sedile onde se reuniam os nobres e a Coluna della Giustizia, uma espécie de pelourinho onde eram amarrados os devedores de impostos na época medieval. Na base da coluna um leão leva no peito a inscrição "Custódio lusticiae" ou guardião da justiça.  
Durante as Cruzadas, Bari era o caminho atravessado por fieis que se dirigiam à Terra Santa e também o ponto de partida e chegada dos Cavaleiros Templários, tornando-se assim uma comunicação com o Oriente. Na época em que a Puglia era dominada pelos bizantinos, Myra na Turquia passou para as mãos dos sarracenos, por isso as relíquias de San Nicola foram trazidas para Bari. A partir desse fato, Bari se tornou um importante centro do cristianismo. 


Durante as Cruzadas, Bari era o caminho atravessado por fieis que se dirigiam à Terra Santa e também o ponto de partida e chegada dos Cavaleiros Templários, tornando-se assim uma comunicação com o Oriente. Na época em que a Puglia era dominada pelos bizantinos, Myra na Turquia passou para as mãos dos sarracenos, por isso as relíquias de San Nicola foram trazidas para Bari. A partir desse fato, Bari se tornou um importante centro do cristianismo. 



A Basílica di San Nicola (foto acima) foi fundada 1087 para guardar os restos mortais do santo. Foi a primeira e maior igreja normanda construída na Puglia e desde a antiguidade é um importante local de peregrinação, tanto para os católicos romanos quanto para cristãos ortodoxos da Europa Oriental. A Igreja Ortodoxa Russa no bairro Carrassi foi construída em 1911 para acolher os peregrinos russos, que vinham até Bari para visitar a Igreja de San Nicola. 
O Castelo Svevo (fotos abaixo) é um dos mais importantes monumentos de Bari e faz parte de sua longa história. A cidade foi um importante elo entre a cultura grega e os territórios do Oriente Médio e, devido à sua posição estratégica, Bari foi marcada no passado pela passagem e pela influência de muitos povos. 
Segundo lendas, Bari teria sido fundada perto de 1500 a.C. por Japige, um filho de Dédalo que faz parte da mitologia grega. Teria sido uma colônia da Magna Grécia até 500 a.C. e por um curto período manteve-se como uma cidade livre. Porém o que se sabe é que no século 3 a.C. os romanos conquistaram a cidade, tornando-a um importante centro de comércio.




Chamada de Barium pelos romanos, após a queda do Império Romano a cidade foi invadida sucessivamente por vários povos, até que em 1071 passou a ser governada pelos normandos. Historicamente o Castelo Svevo é atribuído ao Rei normando Ruggero II, que em 1130 expandiu a fortaleza. 
O castelo foi restaurado pelo Imperador Frederick II em 1233 e posteriormente doado à família Sforza que o ampliou. Ali viveu a corte da rainha Isabella d'Aragona e sua filha Bona Sforza nos anos de 1500. No século 19 foi usado como prisão e posteriormente pelo Exército. 
Atualmente o imponente castelo é cercado pelo antigo fosso em três lados, tendo altíssimas muralhas que à noite são destacadas pela iluminação artística. O acesso ao castelo é feito por uma ponte sobre o fosso que leva ao pátio do castelo, onde são realizadas exposições de arte permanentes e temporárias. 
Bari Vecchia sempre foi protegida por muralhas e ainda conserva uma grande parte delas. Sobre as muralhas a Via Venezia (fotos abaixo) permite caminhar e ter uma bela vista do mar Adriático. Abaixo das muralhas, a avenida Lungomare Imperatore Augusto segue toda a orla do centro histórico, onde pode-se desfrutar de uma das mais extensas áreas da costa de Bari. 




Estive em Bari e amei demais a cidade, tanto que está nos planos voltar, e em breve, para este local tão cheio de histórias para contar!

Alguma de vocês conhece Bari??
bjs




12 comentários:

  1. Oi? Este ano vamos ter amigo secreto? Um lindo fim de semana, beijos!

    ResponderExcluir
  2. Que lugar maravilhoso!Não conheço.Quem sabe um dia...
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. É a primeira foto que vejo sua, é tão bom se sentir mais próxima bjs e ótimo fim de semana

    http://belezadeslumbrante.blogspot.com.br/2014/11/luna-resenha-perfume-natura.html

    ResponderExcluir
  4. Que delicia de viajem !!
    Adorei saber as curiosidades sobre a cidades, adoro post assim !

    beijooos Blog Avontade

    ResponderExcluir
  5. Muito bom saber sobre mais sobre essa cidade.
    Bom fim de semana.
    Beijos... Fátima.

    ResponderExcluir
  6. Não conheço, mas amei o tour por Bari...ah, tão bom quando a calçada, a rua são a extensão da nossa casa, quando podíamos sentar no portão e bater papo até altas horas...saudades desse tempo! Bom saber que ainda existam lugares aonde isso é possível.

    Dri,saudades lindona...espero que esteja tudo bem por aí com você e o filhão.

    Fique com Deus!!!
    Beijinhos :)***
    www.saladamista2.blogspot.com
    www.projetandovencedores.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Confesso que Bari eu não conheço, mas fiquei fascinada pelas imagens. Adorei Basílica e fiquei com vontade de conhecer também.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista. São 6 livros para escolher, kit de marcadores e 3 ganhadores.

    ResponderExcluir
  8. Não conheço, mas fiquei querendo muuuuuuuuuuito.
    Bjossssss.

    ResponderExcluir
  9. Que passeio incrível! Amo essas cidades antigas, como muita história pra contar. Nunca tinha ouvido falar de Bari, mas agora já quero visitar. Tenha uma semana abençoada, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    paisagemdejanela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Ai que máximo Dri. Que perfeito!

    http://meus-sonhos-meus-pesadelos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Amei as fotos! Lindas!

    Passando para desejar um ótimo final de semana.

    Beijos

    ResponderExcluir

Deixem seus comentários! Adoro saber o que vocês pensam sobre as postagens do TdD! bjs